Mulher
PUBLICADO EM 07/05/2017 ÀS 11:27
Tatuador famoso cria nova técnica para cobrir olheiras
Após conquistar sucesso nas redes sociais por camuflar estreias, Rodolpho Torres desenvolveu um novo procedimento para anemizar as olheiras
Foto: Divulgação
Tem dias em que nem mesmo o melhor corretivo é capaz de esconder as olheiras totalmente, por isso muitas pessoas acabam recorrendo a lasers, peelings, drenagens linfáticas e outros tratamentos estéticos para amenizá-las.

No entanto, há um novo procedimento no mercado, um brasileiro criou um técnica capaz de cobrir as olheiras com uma tatuagem no tom da pele. O tatuador Rodolpho Torres, de São Paulo, encontrou uma forma de usar o seu trabalho para camuflar essas marcas.

O método exclusivo foi criado devido à grande quantidade de reclamações, sobre imperfeições na pele, das mulheres que frequentavam o estúdio. O talento de Rodolpho logo ganhou visibilidades nas redes sociais, onde ele começou a compartilhar seus primeiros trabalhos.

O grande truque da técnica dele é a realização da mistura de tintas, até encontrar o tom exato da pele de cada pessoa na hora de tatuar, trabalho minucioso e extremamente difícil. Inicialmente, o tatuador só fazia o procedimento em mulheres que queriam cobrir estrias, mas depois de alguns testes ele descobriu que isso também poderia funcionar para as olheiras.

Quem já fez alguma tatuagem sabe o quão incomodo (e até mesmo dolorido) pode ser. Contudo, o artista revelou em entrevista ao UOL que para evitar o sofrimento durante o ato os clientes devem aplicar uma pomada anestésica com lidocaína na fórmula, cerca de 20 minutos antes de realizar o procedimento. A explicação para esse cuidado é que a pele sob os olhos é mais frágil com relação à dor do que aquela que cobre as estrias.

Seu trabalho já teve reconhecimento da mídia internacional e ele atende celebridades, como a ex-panicat Babi Muniz e a ex-BBB Vanessa Mesquita. Rodolpho também recebe muitos pedidos para realizar palestras e workshops para ensinar sua técnica, porém, ele ainda mantém segredo sobre seu método exclusivo e pretende manter tudo assim por enquanto.

Todo o material utilizado pelo tatuador, como pigmentos, agulhas e máquina, é aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Além disso, ele contou que não desbota, assim a pessoa pode tomar sol normalmente, sem alterações de cor no pigmento.

Do Minha Vida




Comentários
Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Todo Segundo ou de seus colaboradores.
Topo
© Copyright 2017 - Todo Segundo, O maior portal de notícias do Agreste e Sertão de Alagoas