Esporte AL
PUBLICADO EM 03/09/2017 ÀS 10:28
ASA: a imagem que fica na memória não é a da queda
Alvinegro precisa tratar agora de buscar forças para reconquistar seu espaço
Foto: Divulgação
Por Bernardino Souto Maior

A última imagem do ASA na Série C não vai ser a que fica. Não, alvinegro, não pense assim. A imagem que marca esta torcida é a da camisa, é a da bandeira na janela em dia de jogo. Pense no velho estádio do Coaracy lotado, com jeito de alçapão. O rebaixamento é triste, faz muita gente pensar no fim, mas não é. A vida segue e a história está aí para abraçar esta torcida, ampará-la.

O ASA não está nessas derrotas, nesta campanha que terminou em queda. Aliás, queda não rima com o ASA. Asa foi feita para levantar voo, para desafiar o horizonte e correr o mundo. Foi assim nos últimos anos, lembra? O Alvinegro, ousado e orgulhoso de sua terra, de suas raízes, enfrentou gente grande no futebol. Lá dentro, eliminou o Palmeiras na Copa do Brasil. Bateu o Coritiba no Couto Pereira. Fez jogo duro com Flamengo, defendeu Alagoas na Série B e nos quatro cantos. Foi gigante.

No estado, se meteu no baile dos times da capital e conquistou títulos, impôs respeito em todos os campos que passou. Acendeu estrelas no peito, colocou troféus na galeria. Paulo Lima tem tudo guardado nos seus cadernos. Números mágicos, escalações inesquecíveis.

Não tem como tirar essa tristeza do rosto dos alvinegros nos próximos dias. Não é tão rápido. Perder não é fácil, machuca, mas o ASA sabe o caminho das pedras, não é um aventureiro no esporte. Tem camisa para reagir.

O Alvinegro precisa mais do que nunca de quem lhe defende. Ele é o escudo, a camisa, a história que contou, a cidade e a sua torcida. Deve voltar às origens, recuperar forças e partir para novos desafios. Renovado, de asas arqueadas, tem que tratar o mais rápido possível do retorno.






Comentários
Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Todo Segundo ou de seus colaboradores.
Topo
© Copyright 2017 - Todo Segundo, O maior portal de notícias do Agreste e Sertão de Alagoas